DEDETIZAÇÃO OU DESINSETIZAÇÃO

O nome desinsetização tem origem no arcaico processo de dedetização, em que se utilizava o inseticida DDT (Dicloro – Difenil – Tricloroetano) como principal agente de combate às pragas.

Atualmente, o DDT é de uso proibido devido ao seu alto nível de toxicidade e contaminação do ambiente e, assim, alterou-se o nome da prática para desinsetização.

Apesar do nome, a desinsetização é um processo de controle não só de insetos (rasteiros e voadores), como também de aracnídeos. Estas pragas abrangidas pelo processo podem ser baratas, formigas, pernilongos, pulgas, moscas e traças, além de aranhas, carrapatos e escorpiões.

Solicite um orçamento via WhatsApp

Aproveite nossa promoção ao contratar a Desinsetização de sua residência ganhei a limpeza da caixa d'água

COMO É REALIZADO O PROCEDIMENTO DE DESINSETIZAÇÃO?

A Dedetização ou Desinsetização é feita através de pulverização com produtos químicos e, dependendo da necessidade do local, aplicação de gel, para controle de insetos rasteiros e voadores como baratas, pernilongos, moscas, mosquitos (inclusive o Aedes aegypti – mosquito da dengue), aranhas, formigas e outras pragas urbanas.

No momento da aplicação não aconselhamos a permanência de pessoas no local sem os EPI – Equipamentos de Proteção Individual – como máscara, luvas e óculos protetores, pois os produtos aplicados são tóxicos.

Recomendamos que sejam retiradas as pessoas e animais de estimação do ambiente a ser dedetizado, durante o período estipulado pelo técnico responsável.

A NORTÃO oferece o serviço de controle de pragas, para combater ratos, baratas, cupins, formigas, pombos e as mais diversas pragas urbanas. Contamos com profissionais qualificados e os equipamentos mais modernos para todos os serviços. Atendemos residências, comércios e indústrias.

Os métodos de controle químico mais utilizados atualmente são:


Pulverização: utilização de pulverizadores para a aplicação de produtos líquidos;
Atomização: utilização de atomizadores para a aplicação de micro gotículas de produto, que permanecerão temporariamente suspensas no ar;
Termonebulização: utilização de termonebulizadores para a formação de uma fumaça espessa contendo o produto;
Polvilhamento: utilização de produtos em pó em locais de onde a aplicação líquida pode gerar riscos (instalações elétricas);
Iscagem com Inseticidas Granulados ou Gel: utilização de produtos inodoros em forma de iscas sólidas ou em gel.

 

CONTROLE INTEGRADO DE PRAGAS (CIP)

O Controle Integrado de Pragas, CIP, tem por base o estudo dos riscos de infestação e o comportamento de pragas urbanas, a fim de se fazer uma análise criteriossa sobre qual medida é a mais indicada para o tratamento de cada ambiente, sendo elas: medidas preventivas (ambientes propícios a infestações) e medidas corretivas (ambientes com diversos níveis de infestação).

 

A realização do controle de pragas é uma ação obrigatória prevista por lei para diversos estabelecimentos, como cantinas, lanchonetes, restaurantes e refeitórios. Contudo, esse tipo de prática vai além da obrigatoriedade legislativa e se estende também para todo o tipo de ambiente, comercial ou residencial, que vise o bem estar de quem o frequenta, tendo em vista que as pragas urbanas são vetores de diversas doenças.

Av. Pres. Vargas, 837 – Alvorada, Pimenta Bueno – RO, 76970-000
(69) 3451-8699